quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Esportes Alternativos: Futebol Gaélico



Junte futebol e rugby e terá um dos esportes mais populares da Irlanda. O Futebol Gaélico, ou futebol irlandês, é uma modalidade quase que estritamente amadora, que já foi considerada o esporte do povo, praticado por milhares de pessoas comuns no interior do país, com variações de regras e “bolas improvisadas”. Atualmente, apesar de não ser profissionalizado, possui estádios próprios, modernos, com capacidade para mais de 90 mil pessoas.

O jogo

A modalidade é jogada por homens e mulheres, em times de 15 jogadores, em um gramado retangular com traves em forma de "H" localizadas no fim do campo. O objetivo principal é marcar gols, conduzindo a bola com as mãos, numa sequencia com chutes e socos. Os jogadores marcam pontos chutando a bola na rede, somando 3 pontos, ou passando a bola por cima do travessão e através das colunas, convertendo 1 ponto. O time com maior pontuação no fim da partida ganha.

Os jogos têm duração de 60 minutos, dividido em dois tempos de 30.


No futebol gaélico não é permitido:

Pegar a bola diretamente do chão usando apenas as mãos
Arremessar a bola para o gol
Andar quatro passos sem soltar a bola, fazê-la quicar ou fazer jogadas individuais. (Jogadas individuais envolvem esmurrar a bola pelo mesmo jogador duas vezes)
Petecar a bola duas vezes
Passar a bola sobre a cabeça de seu adversário e então dar a volta sobre ele e pegá-la do outro lado (como se fosse um "chapéu" do futebol)
Lançar a bola para o gol (a bola pode ser esmurrada para o gol no ar, entretanto)
Trocar de mão: levar a bola da mão direita para a esquerda ou vice-versa

Campo e bola

O campo é formado por um gramado retangular, medindo 130 metros de comprimento por 90 de largura. As traves tem forma de H com uma rede na seção inferior. O campo possui ainda linhas marcadas em distâncias de 13m, de 20m e de 45m de cada linha lateral.
A bola é feita de couro, é redonda e feita de 18 painéis de couro costurados, bem parecida visualmente a uma bola de vôlei tradicional.


História

Os primeiros registros do esporte datam de 1885, e desenvolveu-se, em parte, como rejeição aos jogos ingleses como futebol e rugby. Ele chegou a ser proibido pelos dominadores britânicos durante o final do século XIX,  justamente por sufocar as expressões culturais que afastavam a Irlanda do Reino Unido.

Paixão nacional, em 1920, durante a guerra de independência da Irlanda, soldados ingleses em resposta a um atentado contra oficiais de inteligência do exército britânico entram no estádio de Croke Park, em Dublin, durante um jogo de futebol gaélico. O confronto resultou na morte de 13 torcedores e de 1 jogador da equipe local. O episódio ficou conhecido como um dia de terror . Desde então, nenhuma outra modalidade, sobretudo inglesa poderia ser jogada naquele estádio.
O estádio de Croke Park é um dos maiores e mais modernos do mundo. A sua arquitetura combina vanguarda ao passado da Irlanda, ao não cobrir e assentar um dos setores do estádio, conhecido por “Hill 16″, em memória aos caídos do levante popular da Páscoa de 1916, durante a 1ª Guerra.



Nenhum comentário:

Postar um comentário